• Home
  • |
  • Sobre Mim
  • |
  • Resenhas
  • |
  • Promoções
  • |
  • Parceiros
  • |
  • Contato
  • Resenha # 53 : Anna e o Beijo Francês




    Título: "Anna e o Beijo Francês"
    Autor: Stephanie Perkins
    Páginas: 286
    Editora: Novo Conceito
    Ano: 2011

       Desde  2011, quando Anna e o Beijo Francês foi lançado, tenho uma certa curiosidade á respeito desse livro, pois, sempre vejo algum blog relatando ser uma ótima leitura, porém, o tempo passou desde o seu lançamento e meio que me esqueci dele. Então, pra minha surpresa, ganhei de aniversário esse exemplar e os outros dois seguintes da autora, e assim pude matar a minha curiosidade acerca dessa obra. Já adianto que foi uma leitura encantadora e com certeza é um dos livros mais amorzinho que li em toda a minha vida!
       O livro traz a história de Anna Oliphant, uma garota de 17 anos que tem amigos legais, um irmãozinho que ama, um emprego que adora, uma mãe carinhosa e um amigo tão especial que já está quase virando um namorado. Até aí parece que Anna está vivendo num conto de fadas, porém, sem mais nem menos, seu pai, um escritor famoso, decide enviá-la á Paris para que ela conclua o ensino médio na Cidade Luz. É claro que muita gente sonha com uma oportunidade assim, mas, Anna não conhece quase nada sobre a França e preferiria um milhão de vezes estar em Atlanta.

       Os primeiros dias em Paris são extremamente complicados para nossa protagonista, pois, ela não sabe falar francês, não tem amigos e ainda tem que aprender a se virar sozinha numa cidade completamente diferente da sua. No meio de todo esse caos, Anna, conhece Meredith, uma vizinha de quarto que além de ser muito simpática á apresenta ao seu grupo de amigos: Rashimi, Josh, e Étienne St. Clair.
        Dessa forma, Anna, encontra em Paris amigos inseparáveis e aos poucos vai se descobrindo e percebendo que talvez a ideia de seu pai não tenha sido tão ruim assim, principalmente, por ter conhecido St. Clair... Ahhh... St. Clair!
       Anna e o Beijo Francês é simplesmente irresistível! A história é super fofa, leve, apaixonante e envolvente. A autora conseguiu reunir um cenário lindo com uma história bonitinha e personagens muito simpáticos. Acompanhar a evolução do relacionamento de Anna com St. Clair torna impossível não torcer por um final feliz, e além dos dois, os personagens secundários contribuem para deixar a história ainda mais bacana. Outro ponto que gostei no livro foi acompanhar Anna desbravando Paris e todos os seus cinemas, isso conseguiu ser tão bom quanto o relacionamento dos protagonistas.
       O livro, além de um romance fofo, consegue nos colocar de frente á uma situação bem comum na vida de todos: a imposição de algo contra nossa vontade e as consequências, seja elas positivas ou  negativas. É uma boa reflexão, pois todos nós, pelo menos uma vez, teremos que enfrentar ou passar por situações indesejadas, então, o livro deixa a mensagem que qualquer coisa em nossa vida, imposta ou não, vai ter consequências e elas podem não ser absurdamente negativas.
       Enfim, Anna e o Beijo Francês é uma leitura apaixonante, onde o romance te encanta, te envolve e te prende de início ao fim! Você vai se apaixonar pela amizade colorida de Anna e St. Clair, vai rir junto com seus amigos e, mais do que nunca, vai querer visitar a bela Paris.
       Se recomendo a leitura? É claro que SIIIIIIIMMM!!!!



    26 comentários :

    1. Olá
      Adorei a sua resenha, assim como a foto. Eu sou suspeita para falar, pois amo essa história. É mesmo uma leitura muito apaixonante, e particularmente, inesquecível. Seus comentários expressam bem o que eu mesma senti ao fazer essa leitura. sempre recomendo esse livro para todos ♥
      Beijos, Fer

      ResponderExcluir
    2. Amo esse livro!
      Aliás, amo todos os livros da Perkins, mas Anna é o meu favorito.
      Você usou os melhores adjetivos para descrevê-lo: fofo e envolvente.
      A gente fica naquela torcida pelo romance, é bacana ver a adaptação dela a novidade, é demais!
      Beijos

      ResponderExcluir
    3. Oiii Di

      Anna e o Beijo Francês foi uma daquelas leituras que começou sem pretensão nenhuma e com pinta de normalzinho, mas vai prendendo, prendendo até que no final terminei apaixonada por tudo naquela história. As descrições de Paris vão fazendo a nossa imaginação viajar. Eu amei ler esse livro e fico feliz que vc tenha gostado tb

      Beijos

      unbloglitteraire.blogspot.com.ar

      ResponderExcluir
    4. Não sabia que a história era tão bacana assim, nas outras resenhas que li do livro acho que esqueceram de destacar pontos muito importantes que foram destacados aqui, parabéns, rs. Eu adoro tudo o que envolve Paris, é um lugar magnífico e um dos meus preferidos mesmo eu nem tendo visitado (ainda, haha).

      Beijos,
      milenaschabat.blogspot.com

      ResponderExcluir
    5. Anna e o Beijo Francês é aquele tipo de livro que você lê e quer ler de novo. Pelo menos comigo é assim. Li em 2013 se não me engano e ainda hoje tenho vontade de repetir.
      Foto linda!
      Bjux.
      Diego, Blog Vida & Letras
      www.blogvidaeletras.blogspot.com

      ResponderExcluir
    6. Eu também morro de curiosidade com o livro e adorei a sua resenha. Parece ser uma história super fofa mesmo e os personagens apaixonantes. Eu espero que quando eu (finalmente!!!) ler, que eu possa gostar muito também porque estou cheia de expectativas.

      ResponderExcluir
    7. Sua resenha me fez suspirar, porque você fez as melhores considerações sobre a obra. Realmente o romance é fofo e muito bem desenvolvido e só de ler sua resenha, me deu vontade de ler outra vez.
      MEU AMOR PELOS LIVROS
      Beijos

      ResponderExcluir
    8. Olá amoreca... parabéns pela resenha e pelas fotos belíssimas.
      Ainda não li o livro e até então não tinha visto nada a respeito, mais já fiquei curiosa, dada tamanha habilidade na escrita sobre o livro!
      A capa é um mimo... e já anotei a dica!
      Beijokas!!!

      www.facesdeumacapa.com.br

      ResponderExcluir
    9. Olá.
      Gostei da sua resenha e faz tempo que estou curiosa pela leitura, e você conseguiu me deixar ainda mais. Obrigada! haha Leia os outros da escritora e diga o que achou, pois quero ler todos, só não comecei rs.

      Beijos. (http://psamoleitura.blogspot.com.br)

      ResponderExcluir
    10. Olá Di,
      Preciso concordar contigo no quesito que esse livro é irresistível, mas ele não funcionou tão bem pra mim como funcionou para as outras pessoas. O melhor da trilogia pra mim foi Lola.
      Gosto da Anna, mas achei tudo intenso e bonito demais e a vida não é assim, né?
      Curti sua resenha, mas esse não é um livro que leria duas vezes.
      Beijos,
      Um Oceano de Histórias

      ResponderExcluir
    11. Olá!
      Já faz um tempo que quero esse livro. Na última Bienal eu passei no stand da Novo Conceito, vi ele lá e deixei para comprar na volta do pavilhão e quando voltei... tinha acabado :( Acabou que até hoje não procurei de novo, rs.
      Eu adoro a ambientação do livro, a história parece ser uma graça e gostei de saber que os personagens são cativantes! Fora a mensagem bacana que o livro passa.
      Espero me apaixonar por essa história assim como você!
      Ótima resenha!
      Beijos!

      ResponderExcluir
    12. Oii Di
      eu realmente não conhecia o livro, mas como é de romance, ( sou apaixonada por romance ) vou anotar aqui haha!
      abraços
      http://febredelivro.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    13. Não tive oportunidade de ler este livro ainda, apesar de já ter lido e me apaixonado por outro livro da autora. Sempre leio coisas bem positivas sobre este livro, e olha que já tem um bom tempo que ele foi lançado. Ainda pretendo ler e me apaixonar como você.
      Bjs!

      ResponderExcluir
    14. Oi Di!

      Que lindo presente! Eu adoro Anna e o beijo francês a narrativa da autora é mesmo fofa, mas o meu preferido é Lola e o garoto da casa ao lado e ainda podemos ver a Anna de novo <3

      Bjs, Mi

      O que tem na nossa estante

      ResponderExcluir
    15. Oi, tudo bem?
      Eu já ouvi comentários do livro, acho a capa dele linda e tudo mais, até gosto do gênero, mas a obra nunca me despertou nenhum interesse. Mas é claro, talvez eu venha a lê-la futuramente. Adorei a sua resenha, ficou ótima

      ResponderExcluir
    16. Helloo, Diane! Tudo numa nice?!
      Eu já li dois livros da Stephanie e detestei os dois. Como eu sabia que era uma sequência, mas que poderia ler de forma independente, eu decidi começar por Lola e depois acabei lendo Isla. Sei lá, eu quis começar pelos mais recentes, senti preguiça de ler esse. Então sempre tive o pé atrás para conferir Anna. Eu vou tentar conferir esse para ver se minha concepção sobre os livros da autora muda porque eu realmente não curti os outros livros dela.
      Beijin...
      Pieces of Alana Gabriela

      ResponderExcluir
    17. Oi, Di

      Eu também sempre tive curiosidade para ler Ana e o Beijo Francês, mas sempre fico adiando, adiando...mas sempre que leio uma resenha fofinha como a sua a vontade bate mais forte, mas nem tenho o exemplar, tenho que me lembrar de comprar.
      Todo mundo ama o Étienne, quero conhecê-lo logo.

      Beijos

      ResponderExcluir
    18. Oi!
      Eu já ouvi falarem muito bem desse livro. Imagino que seja uma leitura gostosa, para se ler depois de uma ressaca daquelas, ou depois de uma leitura fracassada.
      Acho que não compraria ele, mas se ganhasse (como você), eu daria uma oportunidade.
      Que sonho ir para Paris, heim?! Mas concordo que deve ser difícil, sendo que não era algo que de início a personagem queria. No entanto, nem sempre essas imposições são negativas...
      Adoro quando um livro se passa em países que não sejam EUA/Inglaterra. Só me dá mais vontade de conhecer outros lugares.
      Bjss

      http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    19. Oi.

      Eu nunca tive vontade de ler esse livro acredita? Eu sempre olhei pra ele e fiquei 'meh, não quero'. Sei que o romance é encantador, muita gente elogia mesmo essa livro, mas alguma coisa me impede. :( adorei a sua resenha, espero um dia poder ler e me encantar assim também. haha.

      beijo!

      ResponderExcluir
    20. Olá!

      Que legal. Sua abordagem deixou uma ótima impressão. Me parece ser uma história muito linda e fascinante. Espero poder ler o quanto antes e me contagiar com essa belezinha.

      Parabéns pelo posto. Abraços!

      ResponderExcluir
    21. Olá.

      Eu já li muitas resenhas sobre esse livro e todas as pessoas dizem a mesma coisa: que é uma leitura linda e apaixonante. Eu ainda não tive oportunidade de ler, mas quero ler em breve! Fico feliz que a obra te encantou e que vc leia os próximos livros da série e conte pra gente oq vc achou.

      Beijos!

      ResponderExcluir
    22. Oie!
      Eu já li esse livro, mas faz anos, tanto que não lmebro muito bem da história. Preciso ler a continuação, com o outro casal, pois me disseram que é muito fofo. Eu lembro que quando recebi esse livro, veio com um batom no kit rsrs
      Bjks!
      Histórias sem Fim

      ResponderExcluir
    23. Parece ser uma história muito fofa mesmo, um livro para se ler quando se está precisando de uma leitura bem leve. Mas confesso que achei muito estranho esse pai mandar a menina para fazer o ensino médio em um país cujo idioma a garota não conhece. Mas acho que para ela foi bom, pois conheceu St. Clair, né?

      Tatiana

      ResponderExcluir
    24. Oi, tudo bem?
      Eu tenho curiosidade com esse livro, porque realmente todo mundo fala muito bem sobre kkkk Mas parece ser só mais uma história fofinha e no momento não estou querendo algo assim.

      Beijos ;*

      ResponderExcluir
    25. Olá!!
      Vi o link do seu blog lá no grupo do facebook e vim visitar! :)
      Nossa, não conhecia esse livro, mas pelo que você falou me deu super vontade de ler. Sou apaixonada por Paris e adoro um bom romance, então do que mais eu preciso? hehe
      Quero conhecer mais o blog!
      Beeijo

      http://lecaferouge.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    26. Não diria que sou chegada nesse tipo de livros, mas gosto do que vejo nesse. Porque nunca paramos para pensar no quanto as experiências podem ser boas a despeito de não queremos fazê-las inicialmente.
      Parece uma bela pedida mesmo!

      ResponderExcluir