• Home
  • |
  • Sobre Mim
  • |
  • Resenhas
  • |
  • Promoções
  • |
  • Parceiros
  • |
  • Contato
  • Resenha # 46 : Chuva de Novembro




    Título: "Chuva de Novembro"
    Autor: Pet Torres
    Páginas: 200
    Editora: Chiado Editora
    Ano: 2016

       Até alguns meses atrás não conhecia obra alguma de Pet Torres, então, certo dia encontrei no blog "Prefácio" um post sobre a autora, logo, fiquei interessadíssima pelo livro "Chuva de Novembro", justamente por ser uma história baseada na canção "November Rain" do Guns N' Roses. Fiquei muito feliz e surpresa ao mesmo tempo, quando a autora entrou em contato comigo e me propôs uma parceria, e é obvio, que aceitei o convite, pois, o livro já estava nos desejados.
       Soletude Perre é uma jovem de 25 anos que teve de deixar a casa dos pais na Zona Rural para tentar ganhar a vida na cidade grande, onde  conseguiu um emprego como garçonete em uma boate, o salário não era lá grandes coisas, mas, com as gorjetas dava para se virar bem. Certo dia, em mais uma jornada de trabalho, Soletude é surpreendida quando o seu patrão a demite, logo, essa demissão inesperada a deixa atordoada e com medo de ter que largar a cidade e voltar para o campo.

        Eric Onil é um jovem que perdeu sua amada esposa poucos meses após se casar, obviamente, essa perda o abalou muito, tanto que sete anos após o acontecido ele ainda vive trancado em seu silencioso quarto. Mergulhado em um mundo de alcoolismo e depressão, Eric, perdeu sua vontade de viver e não há nada no mundo que lhe faça sorrir, ou ao menos, sair de seu quarto.
        Quando Soletude aceita o emprego de serviçal na mansão dos Onil o destino  dos dois se encontram, desta forma, Eric vê em Soletude algo capaz de fazê-lo querer mudar de vida, trazendo-o assim novamente ao mundo real e atual.
        Pet Torres levou apenas três dias para escrever "Chuva de Novembro", mas, engana se quem pensa esse curto período desmereceu sua obra, pelo contrário, a autora nos presenteou com uma linda história sobre amor, medos e superação, tudo isso, com uma narrativa simples e fluída, poderia ter terminado o livro em apenas um dia, mas, como comecei a leitura a noite tive que deixar um pouquinho para o dia seguinte.
       O livro é narrado sob o ponto de vista de quase todos os personagens, e eu simplesmente amo narrativas assim, pois, desta forma podemos nos aproximar e conhecer melhor os envolvidos na história. Na minha opinião, o personagem que mais se destacou foi o Eric, pois, ele passou por momentos extremamente difíceis, e é claro, que seu psicológico não continuaria o mesmo, logo, encontramos um personagem depressivo, carrancudo e alcoolatra. Ao decorrer do livro percebemos que acima de todos os vícios Eric é um homem doente e que precisa de ajuda.
       A editora caprichou bastante na capa, porém, deixou a desejar na revisão, onde facilmente encontramos algum errinho, e isso acaba incomodando, pois, a autora criou uma história linda e com certeza merecia uma melhor revisão.
       Enfim, "Chuva de Novembro" foi uma história que muito me agradou, Pet Torres consegui transformar perfeitamente a canção do Guns N' Roses em um livro. Se você, assim como eu, curte um bom drama ou romance, deveria dar uma chance ao livro.

    Ficou interessado em ler? O livro pode ser comprado no site da Chiado Editora  (físico ou e-book) ou autografado no site da autora.



    19 comentários :

    1. Oi Diane!! Adoro a música November Rain e a história do livro parece ser realmente linda!!! E de fato a capa é muito bonita! Gosto de romances então vou acabar conferindo!

      Bjs, Mi


      O que tem na nossa estante

      ResponderExcluir
    2. Oi Diane, tudo bem?
      A capa do livro está linda e a história dele parece ser bem emocionante, não se pode esperar menos de um livro inspirado em November Rain. Já estou torcendo pelo casal e esperando que a Soletude ajude o Eric a superar a morte da esposa.
      Bem interessante o fato do livro ter sido escrito em apenas três dias e ainda assim ter um enredo emocionante. Dica de leitura anotada.
      Beijos

      ResponderExcluir
    3. Oi, Diane!
      Três dias pra escrever?!?!?! Pago pau agora.
      Amei essa capa e o nome Soletude já me diz que o romance é de mexer com a gente.
      Beijos
      Balaio de Babados

      ResponderExcluir
    4. Oi Diane!! Que legal a ideia de fazer um livro a partir de uma música conhecida como essa!O enredo parece meio cliché, mas isso não desmerece a história pq um cliché bem contado vale mais que mil originais confusos não é mesmo? Sobre a questão da revisão também é algo que me incomoda. Li um livro legal recentemente mas com a revisão péééééssima. Isso causa desconforto ao leitor e prejuízo aos autores que, tenho certeza, fazem tudo com muito amor e carinho! Bjossss

      http://porredelivros.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    5. Olá, Diane.
      Eu achei a história do livro linda, mas infelizmente eram tantos erros, que acabei me perdendo um pouco da história. Não fossem esses erros teria adorado.

      Blog Prefácio

      ResponderExcluir
    6. Oii
      Não conhecia o livro e nem a autora, parece ser legal a história e já até fiquei imaginando como o romance deles poderia acontecer.

      momentocrivelli.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    7. Sabe que eu não me lembro direito da letra de November Rain? Lembro mais ou menos a melodia, que me agrada bastante, mas o que exatamente ela diz esqueci... rs... Achei legal a autora ter se baseado nela pra contar essa história, e curti bastante a premissa, também adoro quando livros são narrados de vários pontos de vista e essa situação do Eric deve dar um toque de drama bem interessante.

      Beijo.

      Ju
      Entre Palcos e Livros

      ResponderExcluir
    8. Oi Diane, sua linda, tudo bem?
      Eu adoro essa música, nossa me deu até saudade, eu sou do tempo que esperava o clip dessa música ganhar nas disputas do programa da MTV, risos...Achei super criativa a ideia da autora, escrever uma história a partir da música. Estou torcendo para que ele consiga amar novamente, dica mais do que anotada!!! Sua resenha ficou ótima!!!
      beijinhos.
      cila.
      http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    9. Olá, tudo bem??
      Parabéns pela sua resenha, gostei do que você falou sobre o livro, mas no momento não achei muito interessante, acho que não é o estilo que eu gosto. Ainda não conhecia a autora.
      Beijus
      www.bibliotecaempoeirada.com.br

      ResponderExcluir
    10. Ooi, tudo bem?
      Não conhecia o livro, mas só com sua resenha já me cativou haha A história parece ser linda!
      O livro parece fluir muito bem pelo que disse, portanto deve ser bem gostoso de ler. Espero ter a oportunidade de um dia lê-lo.

      Beijoos
      http://estantemineira.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    11. Olá! Escrever um livro em três dias é algo bem... ousado, e até arriscado. Acho interessante quem consegue tal proeza e fiquei curiosa com a obra para ver se ficou bacana ou não.
      Eu gosto de narrações que envolvem diversos personagens, mas depende da quantidade de personagens. Quando são muitos eu acabo me perdendo muito fácil na leitura e perdendo o interesse na obra.

      Beijos
      Estilhaçando Livros

      ResponderExcluir
    12. Pensa em uma música que eu amo!!!!
      Pois então menina!!!!
      Amei o post e não conhecia o livro... mas a história me chamou muita atenção. E cara como assim 3 dias para escrever? Fiquei chocada.
      Fiquei curiosa pela história, de verdade.

      beijos
      Mayara
      Livros & Tal

      ResponderExcluir
    13. Olá! Achei linda essa história! Como amo romances que envolvem drama e superação dos sentimentos dos personagens, com certeza darei uma oportunidade a essa leitura. Fiquei curiosa para saber como os dois se envolvem e se realmente ficam juntos no final. Que pena que a revisão deixou a desejar, espero que melhore nas próximas edições.
      Beijos.
      Karla Samira
      www.pacoteliterario.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    14. Olá! Achei linda essa história! Como amo romances que envolvem drama e superação dos sentimentos dos personagens, com certeza darei uma oportunidade a essa leitura. Fiquei curiosa para saber como os dois se envolvem e se realmente ficam juntos no final. Que pena que a revisão deixou a desejar, espero que melhore nas próximas edições.
      Beijos.
      Karla Samira
      www.pacoteliterario.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    15. Por mais que a resenha tenha destacado os bons pontos do livro, não fiquei interessada na leitura, acredito que não seja exatamente o meu tipo de leitura, fora que estou dando um tempo em livros com este gênero. Eu conheço as obras da autora pela Amazon, não sei se ainda estão lá, já que ela está publicado pela Chiado, mas lembro de ter visto esse livro, mas como uma capa diferente. Por mais que não tenha me interessado, fiquei feliz de saber que obra é cativante e tão intensa, acredito que muitos vão bastante. Uma pena que na revisão tenha esse problema, as vezes pode até prejudicar a leitura, mas quem sabe em uma próxima edição, este detalhe não seja arrumado?

      Da Imaginação à Escrita

      ResponderExcluir
    16. Oiii Diane,tudo bem?
      Que livro mais lindo e fofo, fiquei completamente apaixonada pela história, essa capa me lembra uns filmes romanticos, com toda certeza leria, por causa da sua animação <3
      Beijinhos

      ResponderExcluir
    17. Não conhecia esse livro, e confesso que sua resenha me deixou encantada! Eu achei demais saber que é baseada na música do Guns, e também que é narrada por vários personagens, eu adoro isso também, é muito bom entender o enredo todo por mais de uma visão. Fiquei curiosa para conferir!
      beijos
      www.apenasumvicio.com

      ResponderExcluir
    18. Oi Diane. Acho que vi o mesmo post sobre os livros da autora, me lembro de Chuva de Novembro lá. Acho genial a história ter como base a música (que é linda) e pela sua descrição fui imaginando o clipe rs A história me pareceu ser boa e fiquei curiosa. Espero um dia ter a oportunidade de lê-la.

      ResponderExcluir
    19. Oie
      Não tinha me tocado que era sobre a música do Guns, até você falar haha.
      Acho isso de fazer inspirada em uma música algo incrível, mas concidentemente as autoras só tem escrito baseado em músicas de artistas qu não gosto rsrs.
      Esse livro parece até interessante, mas não me deu taaaanta vontade assim de lê-lo logo.
      Beijo

      ResponderExcluir